Descubra as vantagens de enviar a declaração do IRPF 2022 mais cedo!
Pixabay

Descubra as vantagens de enviar a declaração do IRPF 2022 mais cedo!

O envio começou nesta semana e vai até o final de abril, mas evite deixar para a última hora e evite prejuízos.

A época mais agitada para os profissionais da contabilidade começou nesta segunda-feira (7) e deve durar até o dia 29 de abril, último dia para envio da declaração do Imposto de Renda 2022.

Apesar da flexibilidade da data, deixar para se preocupar com o preenchimento apenas nos últimos dias pode ser prejudicial para o contribuinte, principalmente se for contar com a ajuda de algum profissional para o envio neste ano.

Dependendo das atividades exercidas, propriedades, imóveis e abatimentos que possam ser feitos na declaração do Imposto de Renda 2022, o preenchimento será mais ou menos extenso, sendo necessário a junção de vários documentos que nem sempre estão em posse de quem faz o envio.

Por isso, quanto antes o cidadão começar a se preparar, mais tempo ele terá para resolver eventuais contratempos. Confira as principais vantagens para enviar o quanto antes a declaração deste ano.

Restituição mais rápida

A vantagem mais querida pelos contribuintes é a restituição de valores que tenham sido cobrados a mais durante o ano-calendário passado, e quem possuir alguma quantia pendente de reembolso, deve seguir um calendário dividido em lotes para o recebimento.

Portanto, quem enviar primeiro o Imposto de Renda, entra na fila de ressarcimento primeiro e recebe os valores antes de outros contribuintes.

Evitar instabilidade no sistema

Nos primeiros e últimos dias da entrega, o sistema da Receita Federal pode ficar instável devido ao congestionamento (como aconteceu nesta segunda-feira, primeiro dia de download do programa).

Se houver qualquer tipo de problema, o contribuinte que deixou para a última hora pode ter muitos problemas para conseguir enviar e até acabar perdendo o prazo.

Evitar multas

Outra vantagem do envio no começo do prazo do Imposto de Renda 2022 é que assim o brasileiro evita multas que são cobradas pelo atraso da declaração.

Aquele que enviar a declaração após o término do prazo terá multa entre 1% a 20% do total do imposto devido, fora qualquer acerto que tenha que fazer com o Fisco pelo pagamento irregular de impostos no ano passado.

Reunir documentos sem pressa

A quantidade de documentos necessários no preenchimento do IR pode variar conforme a realidade do contribuinte, que fica dependendo de terceiros para receber o informe de rendimentos e outros dados.

Reunindo a documentação necessária no começo do prazo, o contribuinte consegue perceber o que está faltando, se preparar e não se prejudicar pela ausência de algum informe importante, evitando perder prazos e pagar multas.

Contatos:  (21) 3587-2502

Fonte: Confira vantagens de enviar a declaração mais cedo (contabeis.com.br)

Deixe uma resposta